sexta-feira, 25 de março de 2011

BALSAS - ABERTA A TEMPORADA DE CAÇA AO COELHO


Com Carlos Aírtom 

Aniversário de Balsas é marcado por manifesto público  

Nesta terça-feira, 22/03, a cidade de Balsas completou 93 anos de emancipação. Como tradição esperava-se uma grande festa, mas a população viu foi uma grande manifestação iniciada pelo grupo de universitários do Movimento pela Cidadania.

Não houve a tradicional missa, celebrada todo ano às margens do Rio Balsas, a igreja, em protesto contra os descasos públicos a antecipou e no sábado passado, 19/03, dia de São José, fez um movimento contra estes descasos, que levou dezenas de cidadãos, entre leigos e fiéis, para ver e ouvir os clamores dos organizadores contra o lançamento desordenado de defensivos agrícolas, contra o assoreamento dos rios que circundam o município e também contra o plantio desenfreado de eucalipto, que segundo dom Enemésio, bispo da Diocese de Balsas, suga muita água.

Durante o aniversário da cidade que deveria ser comemorado, com a população, iniciando às 05h00 da manhã, com a banda do Riba do Acordeon tocando em frente à Igreja Matriz, depois as inaugurações de uma Biblioteca Municipal, da Quadra Poliesportiva do Bairro Catumbi e de um Colégio que foi reformado, além da entrega ao Hospital Balsas Urgente de 04 ambulâncias SAMU e discursos, aí seria cortado um bolo de 93 metros, de acordo com o cronograma passado pela assessoria da prefeitura.

Por volta das 08h00 da manhã o Movimento pela Cidadania se juntou aos curiosos, na praça da Matriz, convocando a todos para seguirem pelas ruas da cidade, quando logo apareceu um Trator que tomou frente da marcha, simbolizando como deve andar o balsense pelas ruas da cidade, de trator em vez de automóveis, pois, “de tanto buraco nas ruas do centro e nos bairros, só podemos circular de trator ou a cavalo”, dizia um dos manifestantes em alto falante.

A marcha contra os descasos seguiu para a rua Raimundo Félix, até o Espaço Viva Balsas, onde outra multidão esperava.

No percurso, muitos carros e motos se aglutinavam à manifestação, quando uma das organizadoras do Movimento recebeu, no rosto, um ovo lançado de dentro da casa de uma fã do prefeito.


A Polícia Militar, que acompanhava de perto o movimento pacífico, logo fez registro do acontecimento, na calçada da acusada e uma pequena revolta foi contida pelos próprios manifestantes que diziam: “Isso faz parte. Tem pessoas que gostam de continuar sofrendo com os descasos públicos.”

Enfim, encerrada a manifestação ou movimento, o público foi para casa com aspecto de dever cumprido, mesmo não tendo visto as inaugurações nem o bolo, muito menos os fadados discursos do prefeito Chico Coelho e dos vereadores. A cidade mais pereceu um domingo comum.

Com Blog – Lamentável o que vimos na última viagem para Balsas, um município com povo trabalhador e empreendedor sendo tratado com desrespeito pelo prefeito Chico Coelho e seus fáceis vereadores. O tempo destes políticos saltitantes está por findar, a nova geração começa a tomar as ruas. Mudança dos tempos, expurgo da incompetência e corrupção.

No youtube tem um vídeo sobre os 93 anos da cidade de Balsas: http://www.youtube.com/watch?v=TWX3H2kqzqY

Como comunicador da Rádio Boa Notícia de Balsas - MA

Com fotos Anderson César - Balsas - MA - 2011