quinta-feira, 22 de abril de 2010

ARMAÇÃO CONTRA FLÁVIO DINO?

Com Felipe Klamt

Parece que a turma de ocupação continua a mesma, velhaca e sem imaginação.

Os que acompanham as malandragens na política do Maranhão lembram do último dia de campanha na eleição que tinha a Roseana perdendo para o Epitácio Cafeteira na disputa para governador.

O Sarney armou uma história em que o Cafeteira tinha mandado matar a pessoa, funcionário da Vale, que havia batido no carro do seu sogro e causado o seu falecimento.

O Cafeteira conseguiu encontrar o “defunto” em outro estado que gravou uma mensagem para ser exibida no último programa eleitoral dizendo que estava “vivinho da Silva”.

Mais uma vez um fenômeno, tipo Bita do Barão, aconteceu na hora da exibição do programa, a luz foi cortada e ninguém pode assistir o depoimento do sobrevivente.

Pois não é que o pré-candidato Flávio Dino já começou a sofrer com estas armações quando estava participando, nesta quarta-feira, da inauguração da sede do PT em Bacabal, foi pegar no microfone e a luz foi cortada.

Normal, deve ter faltado luz na cidade.

Pode parecer coincidência, mas na outra programação realizada na mesma cidade com luz, na mesma noite, em outro local chamado Delta Eventos quando o Flávio Dino pegou o microfone a luz sumiu.

Nada normal, pois somente na quadra da casa de eventos não tinha luz, a 10 metros para a direita e 20 metros para a esquerda tinha muita energia.

Talvez não estejam lembrando que o candidato é um homem sério que conhece os trâmites da justiça e não veio para brincadeira.

Olha que o Flávio pode exigir uma investigação minuciosa sobre a venda da empresa para os “atuais” proprietários.

Tentei falar com membros da diretoria da empresa, não houve retorno.

Com a palavra a Cemar.

Um comentário:

Aleandre disse...

Hahaha, essa é boa!!! Roseana deve ter mesmo um poder sobrenatural ou um santo bem forte, mas é pra livrá-la de tanto agouro da oposição. Existem especulações que a gente até engole, mas essa... é digna de prêmio! criatividade 1000!